Praias de Fortaleza terão mais acesso e lazer
06/02/2014

Praias de Fortaleza terão mais acesso e lazer

Ministério do Turismo investiu R$ 1,7 milhão em obras de expansão viária e implantação de equipamentos de lazer. O investimento torna o destino mais competitivo e assegura o desenvolvimento sustentável para a cidade.

    O Ministério do Turismo (MTur) está apoiando obras que integram a Avenida Beira Mar, em Fortaleza, à Praia do Futuro. Elas começaram nesta quarta-feira (5), com recursos do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur). Foram repassados R$ 1,7 milhão, inicialmente, à prefeitura da cidade para obras de expansão viária e implantação de equipamentos de lazer.

    Na Praça do Futuro (antiga 31 de Março) também estão previstas quadras de vôlei, pista de atletismo, espaço coberto para restaurantes, lojas, posto policial e atendimento médico. O valor total das obras é de R$ 5,5 milhões, sendo R$ 5,2 milhões do MTur e R$ 286 mil de contrapartida da prefeitura.

    “Elas tornam o destino mais competitivo e asseguram o desenvolvimento sustentável, melhorando a qualidade de vida da população”, disse o secretário nacional interino de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Carlos Henrique Sobral.

    De acordo com o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, a previsão é de que as obras sejam concluídas em junho. “A orla é o cartão postal da cidade. Por isso precisamos valorizar e preservar a região”.

    Segundo o último Estudo da Demanda Turística Internacional (2012), do MTur, 91.648 turistas estrangeiros chegaram ao Ceará por via aérea e marítima. A capital do estado, Fortaleza, é o terceiro destino de lazer mais visitado pelos brasileiros, como revela o Estudo da Demanda Turística Doméstica no Brasil.

    Fonte: www.turismo.gov.br

Brasil está entre os melhores destinos do mundo
05/02/2014

Brasil está entre os melhores destinos do mundo

Indicado pela mais popular rede social de compartilhamento de fotos e registros de viagens, o país expõe suas razões para atrair, a cada ano, um número maior de admiradores.

    O Brasil e a cidade do Rio de Janeiro estão entre os melhores destinos do mundo na avaliação dos internautas, de acordo com a rede social Minube, uma das maiores comunidades de viajantes e turistas da internet, visitada por mais de 30 milhões de viajantes.

    A rede social lançou um prêmio, o Social Destination Awards, que vai coroar os melhores destinos e as melhores fotos enviadas pelos internautas. Até o dia 23 de fevereiro os participantes podem votar e enviar fotos para o endereço http://www.minube.net/sdawards.

    O Brasil está entre os dez países mais votados e o Rio de Janeiro entre as 15 cidades do mundo que mais receberam votos até o momento. Os prêmios das melhores fotos variam de entre 250 dólares e mil dólares. Os finalistas serão escolhidos por um júri internacional de blogueiros de viagem, fotógrafos e jornalistas.

    O país tem motivos para estar no topo da lista. O Brasil é considerado primeiro do mundo em atrativos naturais de acordo com um ranking de competitividade em turismo do Fórum Econômico Mundial, que avalia 140 nações.

    O setor de turismo de negócios e eventos é o segundo maior fator de atração de visitantes estrangeiros para o Brasil: 25,6% dos turistas internacionais vêm ao país com essas finalidades, e seu gasto médio diário, US$ 127, é quase duas vezes maior que o desembolso dos turistas de lazer.

    O Rio de Janeiro é a cidade mais visitada pelos estrangeiros que vêm ao Brasil em busca de lazer e recebeu 1,6 milhão de turistas internacionais, segundo o último estudo do Ministério do Turismo (MTur) em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

    Para a Copa do Mundo, são esperados 413 mil estrangeiros e outros 841 mil brasileiros visitando o estado. A cada três turistas em movimentação pelo país, dois passarão por alguma cidade do Rio durante o evento, segundo a Secretaria de Estado de Turismo do Rio de Janeiro.

    "As cidades-sede estão se preparando para receber bem os turistas da Copa. Pela experiência, o Rio de Janeiro, um de nossos cartões postais, é uma referência para os visitantes", disse o ministro Gastão Vieira.

    O Rio tem uma das melhores infraestruturas do país para os turistas. No Ano Novo recebeu dois milhões de pessoas na orla de suas principais praias e para o Carnaval espera 900 mil turistas. A maior concentração, no entanto, aconteceu durante a Jornada Mundial da Juventude, quando 3,7 milhões de pessoas visitaram o Rio.

    No Mato Grosso do Sul, a cidade de Bonito é um dos principais destinos de aventura e ecoturismo do país. No ano passado, a cidade foi eleita o melhor destino de turismo responsável no mundo ao vencer o prêmio World Responsible Tourism Awards, em Londres, durante o World Travel Market (WTM), um dos maiores eventos de turismo do mundo.

    Suas paisagens naturais, com rios próprios para mergulhos, grutas e cavernas oferecem condições para atividades de lazer aquático, passeios em trilhas, banhos em cachoeiras e modalidades de turismo de aventura. Em 2012, 242 mil turistas estiveram no município visitando as atrações.

    Fonte: www.turismo.gov.br

Infraestrutura atrai turistas e movimenta a economia
04/02/2014

Infraestrutura atrai turistas e movimenta a economia

Ministério do Turismo já investiu R$ 8 bilhões em obras pelo país. A importância da infraestrutura para o turismo é tema do quinto vídeo da série institucional “Turismo em Cena”.

    O Cristo Redentor é um dos ícones mais simbólicos do Brasil. Em 2007 foi eleito um das sete novas maravilhas do mundo moderno. Para continuar recebendo bem os turistas, a manutenção deve ser constante. Esta é uma das razões que levou o Ministério do Turismo a investir R$ 3 milhões na manutenção de seus três elevadores panorâmicos, passarelas metálicas e escadas rolantes.

    No últimos dez anos, a pasta firmou mais de 16 mil contratos de obras e investiu R$ 8 bilhões para melhorar a infraestrutura turística em todos os estados e municípios brasileiros. Atualmente, são 5.659 obras em andamento, que incluem especialmente a pavimentação de estradas, a sinalização de destinos turísticos e a construção de centros de convenções.

    “As ações de investimento em infraestrutura, além de movimentar a economia brasileira com a geração de emprego e renda pelo turismo, permitem acessibilidade e inclusão social de todos os públicos nos destinos turísticos brasileiros”, afirmou o ministro Gastão Vieira.

    Ainda em 2013, o turismo entrou no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), com a destinação de R$ 680 milhões para obras de infraestrutura. No ano anterior, assinou com governadores de 16 estados o Pacto pelo Desenvolvimento do Turismo, que formalizou o repasse de R$ 305 milhões para realização de obras.

    Série institucional

    O Ministério do Turismo produziu uma série de oito curtas sobre as principais ações da pasta. A campanha “Turismo em Cena” destaca os programas de formação e qualificação profissional, investimentos em cidades históricas e turismo de negócios, além de avanços em competitividade, infraestrutura turística e reforço aos parques nacionais.

    As ações do MTur vão ao encontro das metas previstas no Plano Nacional de Turismo 2013-2016, que prevê o crescimento do turismo interno e a chegada de estrangeiros, além de um acréscimo nos postos de trabalho no setor, impulsionando a competitividade do turismo brasileiro.

    “Nossas metas são audaciosas, mas com trabalho e esforço conseguiremos cumprir os objetivos, entre eles, o de elevar o Brasil à condição de 3ª economia turística mundial até 2022”, afirma o ministro do Turismo, Gastão Vieira.

    Fonte: www.turismo.gov.br